Três reflexões importantes para projetarmos 2015
 
1.     A visão celular no modelo dos 12
2.     O meu chamado pessoal
3.     A minha intimidade com DEUS
 
1.    A visão celular no modelo dos 12
 
Tenho pensado bastante sobre onde muitos se perderam e outros se encaixaram na visão dos 12. Depois de acertos e erros, tenho chegado a uma conclusão que pode trazer paz e equilíbrio, e quem sabe ajudar alguns. A visão é escrita e descrita por princípios. Como dizer que não é bíblico GANHAR, CONSOLIDAR, DISCIPULAR e ENVIAR? Impossível! Representa a missão bíblica designada pelo próprio JESUS.
 
A visão dos 12 nada mais é do que uma maneira estratégica de fazer a grande comissão. O ponto chave é se estamos corretamente motivados ou capacitados diante de tal tarefa. Por um momento, pense na visão como a LEI...
 
“E assim a lei é santa, e o mandamento santo, justo e bom.” Romanos 7:12
“Porque bem sabemos que a lei é espiritual; mas eu sou carnal, vendido sob o pecado.” Romanos 7:14
“Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus; Mas vejo nos meus membros outra lei, que batalha contra a lei do meu entendimento, e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros. Miserável homem que eu sou! Quem me livrará do corpo desta morte?” Rom 7:22-24
 
Refletindo assim, a visão é estabelecida por princípios santos, e exige um alto nível de espiritualidade para quem quer vivê-los. A visão nela mesma, não vai te tornar uma pessoa espiritual, mas vai te exigir ser muito espiritual. Mas, por favor, não confunda ser espiritual com ser místico.
Observe como a visão é exigente... Talvez a palavra mais confrontadora da visão é RESULTADO. É uma palavra que faz muitas pessoas desfalecerem nas suas carências, como também alimenta a competitividade de outros. Mas, existe algum problema com a visão? Não.
 
Onde está o problema? Nesta diferença de nível: uma visão espiritual para pessoas que ainda estão vivendo numa condição carnal.
 
Meu maior erro como líder é forçar pessoas carnais para uma tarefa espiritual. Na visão, ou você é funcional sendo cheio do Espirito Santo, ou se torna legalista, cobrando resultado dos outros que nem você mesmo é capaz de produzir. Não se faz uma visão espiritual semeando na carne. Não dá para começar a casa pelo telhado! Muitos terminam frustrados, culpados e outros na verdade nunca se interessaram.
 
Você sabe, “amar o perdido, integrar e cuidar do novo convertido, alimentar e discipular o rebanho” não são muitos os que de fato estão envolvidos com essas coisas. Graças a Deus porque existem aqueles que estão, e estão mesmo! Mas, esteja seguro, a visão é uma excelente estratégia para organizar uma colheita!
 
A visão é excelente para me dar conceitos gerais de servir a DEUS. Ela está focada na grande comissão, que é um IDE imperativo. Mas, não se esqueça, a visão é muito espiritual para tolerar uma pessoal carnal, ou alguém, que apesar de ter começado no espírito está terminando na carne.
 
2.    O meu chamado pessoal
 
Se funcionar na visão celular me exige espiritualidade, pensa então entender a vontade de DEUS de forma detalhada para funcionar num chamado especifico.
 
“Oro ainda para que os olhos do vosso coração sejam iluminados, para que saibais qual é a real esperança do chamado que ELE vos fez” Efésios 1:18
 
“Oro ainda...”, haja oração apostólica!
 
A maioria das pessoas que frequentam uma Igreja não fazem ideia que DEUS tem um chamado para elas. Outras foram posicionadas ministerialmente, mas nunca se tornaram realmente funcionais. Lideres posicionais e não funcionais travam a vida do corpo. Aqui precisamos entender um princípio muito importante: A Igreja não é uma organização humana. Ela, na verdade, é um organismo VIVO.
 
Existe uma diferença entre receber um cargo, e receber um encargo da parte de DEUS. Um chamado é quando DEUS fala no nosso espirito. É quando ELE compartilha conosco uma necessidade e nos fortalece para supri-la. Aquilo é a nossa cara, é o que gostamos de fazer. É o que fazemos e flui... Aqui já é um outro nível de servir a DEUS.
 
Observe a experiência de Paulo:
 
“Mas faço-vos saber, irmãos, que o evangelho que por mim foi anunciado não é segundo os homens; porque não o recebi de homem algum, nem me foi ensinado; mas o recebi por revelação de Jesus Cristo.” Gálatas 1:11-12
 
“Mas, quando aprouve a Deus, que desde o ventre de minha mãe me separou, e me chamou pela sua graça, revelar seu Filho em mim, para que eu o pregasse entre os gentios, não consultei carne e sangue, nem subi a Jerusalém para estar com os que já antes de mim eram apóstolos, mas parti para a Arábia, e voltei outra vez a Damasco.” Versículos 15-17
 
3.    A minha intimidade com DEUS
 
Este é o ingrediente que faz tudo funcionar. Qual é o aprendizado mais importante da vida Cristã? Aprender a seguir o Espirito Santo.
 
“Porquanto todos os que sois guiados pelo Espirito de DEUS são filhos de DEUS.” Romanos 8:14
 
Estes são os filhos maduros de DEUS. Uma coisa é nascer de novo, outra coisa é seguir o Espirito Santo. Em Romanos 8, o objetivo de Paulo é ensinar a todos que genuinamente nasceram de novo a passarem de uma vida influenciada e enfraquecida pela carne a uma vida de fato espiritual e vitoriosa.
 
Não é suficiente saber que devo andar no Espirito, preciso aprender COMO.
 
“Porque, se viverdes segundo a carne, morrereis; mas, se pelo Espírito mortificardes as obras do corpo, vivereis.” Romanos 8:13
 
O primeiro passo para andar no Espirito é mortificar os feitos da carne. Como mortificamos os feitos da carne? PELO ESPÍRITO! Então, pelo Espirito podemos fazer morrer (tirar as forças) de todas as coisas que paralisam o nosso andar com DEUS. Aquelas coisas que nos fazem SENTIR frustrados, culpados, inseguros, com medo. Aquelas coisas que nos impedem de produzir resultados.
 
Você consegue fazer isto sozinho? NÃO. Mas, com o Espirito Santo você pode apresentar o seu corpo morto para o pecado e o seu espirito vivo para DEUS.
 
“E, se Cristo está em vós, o corpo, na verdade, está morto por causa do pecado, mas o espírito vive por causa da justiça.” Romanos 8:10
 
Então precisamos entender um segundo passo.
 
“E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis.” Romanos 8:26
 
FRAQUEZA = A nossa incapacidade de produzir resultados.
 
JESUS disse que a carne é fraca. Ela impõe limitações a nossa vida espiritual. Como a fraqueza está na sua carne, pode também ser hereditário... Fraquezas voluntarias dos pais geram fraquezas involuntárias nos filhos! Mas, aquilo que você não sabe lidar, o Espirito Santo quer te assistir e te socorrer.
 
Pode ser uma mágoa, um engano, um vício, uma carência, um medo, um relacionamento que você não sabe consertar, um resultado que você não consegue obter.PELO ESPÍRITO você pode mortificar as obras da carne.
 
Como iniciar este processo?
Precisamos reconhecer... Não sabemos orar como convém!
 
Você simplesmente precisa, em fé, permitir que o Espirito Santo ore através do seu espirito. Quanto mais você se entregar a este tipo de oração mais você experimentará edificação. Práticas espirituais geram uma vida espiritual forte para superar as limitações da carne. Você não vence a carne com a força da sua alma, não. É pelo ESPÍRITO!
 
Intimidade com DEUS, práticas espirituais como uma resposta ao amor que JESUS demonstrou por mim na cruz! Estou falando de oração no Espirito Santo, meditação, jejuns, adoração, confissão da Palavra e louvor. Você vai se surpreender com a edificação do seu espirito, como morada de DEUS. Você se tornará espiritualmente edificado e qualificado, não só para a grande comissão, mas o Espirito Santo vai te guiar por um ministério especifico.
 
CONCLUSÃO:
“E a uns pôs Deus na igreja, primeiramente apóstolos, em segundo lugar profetas, em terceiro doutores, depois milagres, depois dons de curar, socorros, governos, variedades de línguas. Porventura são todos apóstolos? São todos profetas? São todos doutores? São todos operadores de milagres? Têm todos o dom de curar? Falam todos diversas línguas? Interpretam todos? Portanto, procurai com zelo os melhores dons; e eu vos mostrarei um caminho mais excelente.” 1 Coríntios 12:28-31
 
E a uns pôs DEUS na Igreja... Quem pôs? DEUS ou o homem? Quem você é, ou quem você deve se tornar na Igreja? Apóstolo, profeta, mestre, milagres (evangelista), dons de curar (pastor), socorros (contribuição), governos (liderança). E por último, na base da pirâmide, variedades de línguas.
 
Um tipo de oração que nos leva a superar as nossas fraquezas e nos faz adequados para um chamado altamente espiritual!
 
Em 2015, desafio você a dar este grito: PELO ESPÍRITO!!!
 
“Porque, se viverdes segundo a carne, morrereis; mas, se pelo Espírito mortificardes as obras do corpo, vivereis.” Romanos 8:13
 
PELO ESPIRITO!!!!! Dele vem o seu resultado.
 
Feliz 2015!
Ap. Tulio de Souza Borges - Palavra ministrada no revéillon 2014/2015