Vale_da_Decisao

 















Joel 3:14
Multidões, multidões no Vale da Decisão, porque o Dia do Senhor está perto, no Vale da Decisão.

Deuteronômio 30:19

Os céus e a Terra tomo hoje por testemunhas contra ti, que te tenho proposto a vida e a morte, a benção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua semente.

A cidade que você vê ao lado é Siquém. Siquém é a primeira cidade citada nas Escrituras, onde Abraão esteve, quando entrou em Canaã, na Terra da Promessa (Gênesis 12:6-7).

Repare na foto que Siquém está num vale, entre dois montes. O monte fértil, verdinho, é o Monte Gerizim, ou "Monte da Benção". O monte cinzento, estéril, é o Monte Ebal ou Monte da Maldição (confira Deuteronômio 11:26-30 e 27:11-13).

Quem está em Siquém tem esta vista privilegiada, ou seja, depara-se com a benção e a maldição, com a esterilidade e a fertilidade.

Foi em Siquém que Abraão levantou seu primeiro altar a Deus (Gênesis 12:7) e Jacó também levantou um altar e o chamou de "Deus" ou "Deus de Israel" (Gênesis 33:18-20).

Um altar não se levanta na "benção" nem na "maldição", mas no Vale da Decisão. Altar significa "lugar onde eu morro"; é um chamado à verdadeira adoração.

São nos momentos de decisão que levantamos altares a Deus, todos os dias.

É sempre assim. Como nos programas da TV. Tem um anjinho falando de um lado e um diabinho do outro. Temos que escolher, temos de decidir qual o caminho iremos seguir. Se será a benção ou se será um caminho errado, um caminho muitas vezes largo e espaçoso, mas que no fim, certamente reconheceremos como um caminho de morte.

Você é um cristão genuíno? Se sim, você vive em Siquém e é provado a escolher a benção ou a maldição, o certo e o errado todos os dias. Novo Nascimento acontece uma só vez, mas conversão é prá todo dia!

Josué também nos mostrou este lugar. Todos conhecemos, cristãos ou não, a famosa frase "Eu e minha casa serviremos ao Senhor", mas não sabemos onde foi proferida. Foi em Siquém (Josué 24).

As tribos de Israel estavam se desviando dos caminhos do Senhor, estavam servindo aos deuses dos amorreus e Josué lhes confrontou diante dos montes Ebal e Gerizim. Josué lhes apontou a Benção e lhes declarou de Quem era seu altar, qual era sua decisão.

Também precisamos nos definir, todos nós. Quando falo do "deus dos amorreus" você pode estar pensando: "Ah! Eu sigo ao Senhor... Esta palavra não é prá mim", mas eu te pergunto: Quais têm sido seus altares dia a dia? O Senhor ou Mamom? O Senhor ou as pomba-giras? Em que você gasta seu tempo? Onde estão seus tesouros?

Você precisa tomar uma decisão. Ebal ou Gerizim? Vícios ou renúncia? Impureza ou santidade? Reter ou entregar?

Siquém significa "espádua" ou "ombro". É o lugar de decidir carregar a cruz. Você é, de fato, um cristão, um seguidor de Cristo? Então negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga o Senhor (Mateus 16:24).

Você pode carregar a cruz em Siquém, no seu ombro, de duas maneiras:
1) Porque você escolheu, como o fez Simão Pedro (João 21:18-19)
2) Porque se constrangeu como o fez Simão Cirineu (Mateus 27:32)

Em Siquém seu altar pode ser sua escolha, sua vontade ou a escolha dos outros prá você. Você vai à igreja por causa do Senhor ou por causa de outros? Seu pastoreio ou sua liderança têm sido por disposição ou imposição?

Precisamos decidir.
Precisamos nos render.

Pastor Vinícius Portes de Souza
Palavra ministrada em 21/05/2011